FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO

Doação de Órgãos



Existem situações clínicas em que o transplante de órgãos é a única opção contra a morte. Infelizmente, muitas pessoas chegam a óbito na fila de espera por não encontrar um doador compatível. Uma pessoa pode doar quando é constatada sua morte encefálica ou mesmo em vida, podendo ser transplantados:

Doação de órgãos Após a morte:

Córneas
Coração
Pulmões
Rins
Fígado
Pâncreas
Ossos
Medula óssea
Pele
Valvas cardíacas
Em vida:
Rim
Pâncreas
Medula óssea
Fígado (apenas parte dele, em torno de 70%)
Pulmão (apenas parte dele, em situações excepcionais)


No caso de doação após a morte, é necessária a autorização da família - a lei que fazia constar nas carteiras de identidade e habilitação a expressão “não-doador de órgãos e tecidos”, tornando doadores, por conseqüência, todos os demais brasileiros, perdeu validade a partir de dezembro de 2000. Quando é reconhecido um doador efetivo, a própria unidade de saúde comunica uma central nacional que tem acesso ao cadastro dos pacientes na fila, à espera de um órgão.


Para doar em vida a pessoa precisa, entre outros requisitos, estar em condições de doar o órgão ou tecido sem comprometer a saúde e aptidões vitais; apresentar condições adequadas de saúde, avaliadas por um médico que afaste a possibilidade de existir doenças que comprometam a saúde durante e após a doação; e ser parente de até quarto grau ou cônjuge. No caso de não parentes, a doação só poderá ser feita com autorização da Justiça. Preenchidos esses requisitos, deve-se contatar a central de transplantes do Estado em que se reside.


Visite o site da ABTO - Associação Brasileira de Transplante de Órgão


José Medrado - Editorial

Cristina Barude - Psicografia

Eventos

Auxílio Espírita

Colunistas

Artigos relacionados

Outrora, ser Papa era uma satisfação, hoje, pode ser uma aflição!

No passado, ser papa era bem mais fácil do que hoje. Isso porque as pessoas...
Leia Mais

Mergulho nas profundezas de si mesmo - Psicografada em 25/10/18

O encontro consigo mesmo é uma das maiores e mais fascinantes aventuras! Co...
Leia Mais

Gentileza sem cor - 26/11/18

Marisa Montes em sua música, Gentileza, inicia dizendo que “Apagaram tudo//...
Leia Mais

Retirando o véu da ilusão - Psicografada em 18/01/18

Os dias passam céleres na Terra e a sensação de urgência de realizar parece...
Leia Mais