FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO

Gentileza sem cor - 26/11/18


Marisa Montes em sua música, Gentileza, inicia dizendo que “Apagaram tudo//Pintaram tudo de cinza...Apagaram tudo//Pintaram tudo de cinza. Pois é, as pessoas estão insensíveis e duras à virtude da gentileza. Diariamente, sofremos alguma desatenção ou mesmo grosseria por onde passamos, mesmo exercitando a nossa chamada educação doméstica, mas, ao que tudo parece, não só a expressão em si, porém o comportamento se esvaiu com a celeridade, a angústia, os interesse desses dias do século XXI.


Fico perplexo com a naturalidade com que as pessoas não guardam mais a preocupação com os gestos singelos de consideração e respeito ao outro, lembrando, como já dizia minha sábia mãe, que o mundo é redondo e não há esquina para que nos escondamos.


Hoje somos nós pela vida convocados a ajudar uma pessoa mais velha a subir um ônibus, um deficiente visual a se localizar, ceder a vez a uma grávida, a um idoso, inclusive quando estamos sentados em lugares reservados a eles, a oferecer passagem em uma via...pois quem sabe, sejamos amanha nós ou um nosso que venha a precisar desses obséquios?! Opa! Nem mais se usa esta palavra. A vida é um bumerangue: tudo vai e volta, sempre, sempre.


Assim, nesta semana, em sua vida, seja uma pessoa mais educada, atenciosa, respeitosa com quem “atravessa” em sua vida, e ofereça a sua gentileza no que for preciso, mesmo recebendo em troca a insensibilidade dos que pensam que a vida é o seu umbigo.


Não se permita a contaminação pelas pessoas tóxicas, mas desenvolva a sua imunidade contagiante da boa cordialidade por onde quer que você esteja. É tão simples se diferenciar pelo comum. As pessoas, em geral, estão cinzas, sem cor, sem brilho da alegria de viver.


*José Medrado é líder espírita, fundador da Cidade da Luz, palestrante espírita e mestre em Família pela UCSal.

José Medrado - Editorial

Cristina Barude - Psicografia

Eventos

Auxílio Espírita

Colunistas

Artigos relacionados

Outrora, ser Papa era uma satisfação, hoje, pode ser uma aflição!

No passado, ser papa era bem mais fácil do que hoje. Isso porque as pessoas...
Leia Mais

Gentileza sem cor - 26/11/18

Marisa Montes em sua música, Gentileza, inicia dizendo que “Apagaram tudo//...
Leia Mais

Mergulho nas profundezas de si mesmo - Psicografada em 25/10/18

O encontro consigo mesmo é uma das maiores e mais fascinantes aventuras! Co...
Leia Mais

Massa de manobra - 04/06/18

Nesta manhã de segunda-feira (4), lendo aqui no BNews a manifestação de Líd...
Leia Mais