FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO

Antagônicos e unidos pelo bem!

Reza que o gênio Leonardo da Vinci teria dito que “para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro”, foi assim que, do lado de dentro, vi dois edis que pouco, digamos, se bicaram ao longo da atual vereança na Câmara de Salvador. Falo dos vereadores Olívia Santana, PCdoB, e o vereador Dr. Pitangueiras, PRB. Estavam sob o mesmo signo, exaltando uma só pessoa. Efetivamente, as diferenças ideológicas, partidárias assentaram suas armas, pois uma bandeira de paz e amor se fez desfraldar: Chico Xavier.

Pois é, no último dia 28, lá estavam na mesma cerimônia, na Câmara de Vereadores de Salvador, dois protagonistas de uma grande festa que, lado-a-lado, proclamaram que o quase impossível acontece, quando se tem na formação da argamassa o levedo agregador e multiplicador de uma das mais fortes e marcantes presenças nacionais de todos os tempos, o médium mineiro que recebeu de A Tarde, também, uma grande série de reportagem pelo seu centenário, o mineiro do século XX, Francisco Cândido Xavier.

Permita-me, leitor, trazer a honra para o meu coração, quando, em arroubo de reconhecimento, busquei o vereador Dr. Pitangueiras para que sensibilizasse seus pares a criarem o Dia Municipal do Espírita, em 02 de abril, em homenagem ao maior de todos. Tarefa bem cumprida, que teve no reconhecimento desse nome, acima de coloração ideológica, o apoio de todos e hoje temos a Lei nº 7.818/2010, sancionada pelo prefeito João Henrique, instituindo esse dia.

A vereadora Olívia Santana atende ao pedido da Federação Espírita do Estado da Bahia e promove a sessão solene em comemoração do centenário do ilustre espírita. E aí a sinergia do homenageado com o bem une os dois vereadores, formando uma só festa de congraçamento e reconhecimento.

Na prática, em verdade, é apenas uma data que terá a sua representação no subjetivo emocional dos espíritas, não importando nada em gastos para o contribuinte, ou mesmo criando qualquer embaraço para a cidade, mas se tornou um corolário nos festejos baianos pela passagem do centenário do maior espírita de todos os tempos.

José Medrado
Líder Espírita
Fundador da Cidade da Luz

José Medrado - Editorial

Cristina Barude - Psicografia

Eventos

Auxílio Espírita

Colunistas

Artigos relacionados

Ainda no espiritismo os agêneres com as suas variantes congêneres

Leave review
Por causa de dúvidas sobre os agêneres entre leitores desta coluna de O TEM...
Leia mais

Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós - 23/07/18

Leave review
Entendo que arte é tudo aquilo que nasce da livre manifestação da criação h...
Leia mais

Cultivo do Ódio - 10/09/2018

Leave review
A psicologia social afirma que o ódio está para os seres humanos, da mesma ...
Leia mais

Ainda sobre o casamento gay - 13/05/19

Leave review
Há quase uma semana aqui, o BNew divulgou uma notícia: Pastor evangélico ce...
Leia mais